Skip to content

Como Consultar Veículo Pelo RENAVAM

Comprar um veículo é um ato que requer paciência e muita atenção. Afinal de contas, é um bem de valor alto e que, geralmente, você vai usar por bastante tempo. Por isso, não dá para comprar na correria e principalmente sem consultar as informações necessárias para evitar golpes.




Uma dica simples que você pode adotar é consultar veículo pelo RENAVAM. Fazendo esse procedimento, você terá acesso a informações que irão te ajudar na hora da compra.

Por isso, antes de concluir a compra do veículo, é muito importante se informar sobre toda a situação dele para evitar fraudes e problemas. Ainda é comum as pessoas comprarem automóveis sem ao menos saber a procedência do veículo e se existem pendências.

Porém, é possível sim evitar problemas consultando a ficha completa do carro ou moto. Por meio do RENAVAM, você obtém os dados que precisa saber na hora de adquirir um veículo.

A partir de agora, você vai entender melhor o que é o RENAVAM, como consultá-lo pelo Detran e, para facilitar sua vida, como consultar veículo pelo RENAVAM. Veja a seguir.

Você já deve ter ouvido falar do RENAVAM algumas vezes, não é mesmo? Mas que registro é esse, afinal? E para que ele serve? Como consultar veículo usando o número do Renavam? Aqui vou contar tudo o que você precisa saber.

RENAVAM é a sigla para Registro Nacional de Veículos Automotores. Basicamente, ele funciona como se fosse o RG ou CPF de um veículo. Esse documento registra todos os cadastros que o automóvel tem no Detran de seu estado correspondente. 

Quando você utiliza o código RENAVAM para ter acesso a todas as informações do veículo, ele te mostra dados como: ano de fabricação, cor, modelo, marca, chassi e também outras informações como multas, débitos pendentes e se o IPVA está pago ou não.

O código RENAVAM tem 11 números, sempre começando pelo algarismo 0 e nunca muda para aquele veículo em que está registrado, nem mesmo quando o automóvel é vendido.




Para quem vai comprar um carro ou moto, consultar o veículo pelo RENAVAM é um passo indispensável antes de fechar negócio, já que ele indica todos esses dados. Você pode descobrir, por exemplo, se o veículo já foi pintado ou sofreu qualquer alteração.

consulta-de-veiculo-pelo-renavam

Como consultar veículo pelo RENAVAM

Saber como consultar veículo pelo RENAVAM não é um bicho de sete cabeças e também não é demorado, se você está pensando isso. O procedimento é fácil de fazer, e pode ser realizado na internet e até mesmo por meio de aplicativos diretamente no celular.




Os sites do Detran de cada estado (Departamento Estadual de Trânsito) oferecem o serviço de consulta dos dados do RENAVAM. Para fazer isso, você precisará, claro, do código RENAVAM. O código está impresso no documento do carro, chamado CRLV – Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo.

Porém, o sistema do Detran não é único para todo o país. Então, cada estado pode ter maneiras diferentes de fazer a consulta do veículo pelo RENAVAM. Por isso, para te ajudar a fazer a pesquisa, trazemos abaixo a lista de sites de todos os DETRANs. Ache o do seu estado para fazer a consulta:

REGIÃO SUL

Paraná: http://www.detran.pr.gov.br/

Santa Catarina: http://www.detran.sc.gov.br/

Rio Grande do Sul: http://www.detran.rs.gov.br/

REGIÃO SUDESTE

São Paulo: http://www.detran.sp.gov.br/

Minas Gerais: http://www.detran.mg.gov.br/

Rio de Janeiro: http://www.detran.rj.gov.br/

Espírito Santo: http://detran.es.gov.br/

REGIÃO NORDESTE

Alagoas: https://www.detran.al.gov.br/

Bahia: http://www.detran.ba.gov.br/

Ceará: http://www.detran.ce.gov.br/

Maranhão: http://www.detran.ma.gov.br/

Paraíba: http://www.detran.pb.gov.br/

Pernambuco: http://www.detran.pe.gov.br/

Piauí: http://www.detran.pi.gov.br/

Rio Grande do Norte: http://www.rn.gov.br/

Sergipe: http://www.detran.se.gov.br/

REGIÃO NORTE

Acre: http://www.detran.ac.gov.br/

Amapá: http://www.detran.ap.gov.br/

Amazonas: http://www.detran.am.gov.br/

Pará: http://www.detran.pa.gov.br/

Rondônia: http://www.detran.ro.gov.br/

Roraima: http://www.detran.rr.gov.br/

Tocantins: https://www.to.gov.br/detran

REGIÃO CENTRO-OESTE

Distrito Federal: http://www.detran.df.gov.br/

Goiás: http://www.detran.go.gov.br/

Mato Grosso: http://www.detran.mt.gov.br/

Mato Grosso do Sul: http://www.detran.ms.gov.br/

Agora que você já tem o site do Detran do seu estado, vamos ao passo a passo de como consultar o veículo pelo RENAVAM.

O proprietário de veículo pode consultar a existência de autuações, multas, impedimentos, restrições financeiras e o ano do último pagamento dessas taxas: seguro DPVAT, taxa de licenciamento e IPVA.

Para fazer a consulta, o procedimento é esse: preencher o formulário eletrônico no site do Detran com a placa do veículo e o número do chassi, que estão no documento CRLV. O site vai pedir para você digitar o código captcha, aquele com código de letras e números. Em seguida, clique em “Pesquisar”.

Dica importante: Em caso de dúvida se está aparecendo a letra “O” ou o número 0, fique sabendo que no chassi não existe letra “O”. Então se tiver será o número zero.

Vamos ao passo a passo de como consultar veículo pelo RENAVAM:

  • Acesse a página oficial do Detran do seu estado;
  • Localize a opção “Consulta RENAVAM”;
  • Clique no botão “Consulta pela placa”;
  • Em seguida, digite o número da placa;
  • Por último, clique em “Consultar”.

No site do Detran do seu estado é possível fazer a consulta do veículo pelo RENAVAM

Se você preferir, também existe a opção de consultar o RENAVAM do veículo pelo chassi. A consulta dessa maneira pode variar de acordo com o estado onde está registrado o veículo, porém o passo a passo costuma ser basicamente dessa forma:

  • Acesse a página oficial do Detran do seu estado
  • Procure o botão “Veículos” e clique nele
  • Em seguida, clique em “Consulta do RENAVAM pelo chassi”
  • Informe o número do chassi do automóvel
  • Depois, clique em “Consultar”

Para facilitar ainda mais a sua vida, vou trazer agora outra opção de consulta do veículo pelo RENAVAM. Você já ouviu falar do Renainf? Trata-se do Registro Nacional de Infrações de Trânsito.

Nesse portal, também é possível descobrir muitas informações sobre o veículo ao consultar sua placa. Saiba quais são essas informações possíveis de serem consultadas pelo Renainf:

  1. Dados gerais e técnicos do veículo: ao consultar a placa do veículo, você consegue ter acesso ao modelo, chassi, marca, ano de fabricação e outros dados do automóvel. Além disso, nessa mesma consulta os dados técnicos também ficam disponíveis. Nesse caso, as informações que você terá acesso são: potência, número do motor, cilindradas e outras informações referentes ao veículo.
  1. Débitos no Renainf: além dos débitos do Detran, que constam no Renavam, você pode encontrar os débitos do Renainf. Ele indica as autuações registradas em todo o território nacional.
  2. Restrições de seguradora: algumas seguradoras podem se recusar a fazer um seguro dependendo da procedência ou situação do automóvel. Por exemplo: carros de leilão, ou aqueles que foram roubados e furtados podem dar um pouco de dor de cabeça no ato de negociar com a seguradora.
  3. Histórico de roubo e furto: é bastante importante ter acesso a essa informação antes de adquirir um automóvel, já que veículos roubados ou furtados geralmente sofrem desvalorização. Fique atento a essa informação, porque isso vai te ajudar a escapar de golpes.
  4. Ofertas em leilões: assim como os veículos roubados ou furtados, os automóveis de leilão também são arrematados por preços muito mais baixos que os da tabela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas).

Existem pessoas que compram automóveis de leilão e vendem por um preço mais alto, e isso pode acabar prejudicando quem está fazendo a aquisição, dependendo da realidade do veículo. Por isso é importante verificar esse histórico antes de fechar qualquer negócio.

Fazendo todos esses passos e essas consultas, você estará mais tranquilo no momento da compra de qualquer veículo, tendo as informações reais daquele automóvel.

Consultar situação do veículo pelo RENAVAM no celular

Como atualmente todo mundo usa o celular para praticamente todas as funções, também existe a possibilidade de consultar a situação do veículo pelo RENAVAM pelo celular. E a facilidade é a mesma de quando você acessa um site, por exemplo.

Nos apps, é possível ter acesso a informações como: saber a marca, modelo, ano e cor do veículo ou os últimos números do chassi e ainda descobrir se o veículo é roubado. São esses dados que você precisa saber na hora de comprar um carro com tranquilidade.

Além dessas informações, você também pode consultar os aplicativos para saber sobre o IPVA, multas, restrições tributárias e administrativas, podendo inclusive visualizar inspeção veicular e se o licenciamento do automóvel está em dia ou atrasado.

Uma opção bastante interessante de app é o do Sinesp – Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública. O aplicativo é simples de usar: basta baixar no seu aparelho e consultar a situação do veículo pelo RENAVAM pelo celular.

Depois de baixar, você faz o cadastro com seus dados e as informações da placa do veículo. Em seguida, você terá acesso a muitas informações, como: consultar se o veículo está com o licenciamento atrasado, se tem alguma multa e qual o tipo, IPVA vencido ou em dia, ou alguma outra pendência. Parece bastante simples, não é mesmo?

Mas por que é tão importante assim fazer a consulta de placa com frequência? Geralmente, os aplicativos também trazem os dados do veículo, e você consegue ver informações como a cor, modelo e potência. Essa informação é ótima para quem quer comprar ou vender um carro ou uma moto.

Uma dúvida que você pode ter sobre a consulta: quais são os débitos e restrições que um veículo pode ter?

Se você está pensando em comprar um veículo seminovo, também é muito importante fazer a consulta da placa. Isso vai permitir a você saber todo o histórico daquele automóvel.

Os débitos e restrições que o veículo pode ter são:

  • Licenciamento;
  • IPVA;
  • Multas;
  • Seguro DPVAT.

A consulta do veículo ainda permite saber se o carro ou moto possui alguma restrição, que pode ser administrativa, judiciária e tributária, entre outras. Por isso, fique atento ao conferir todas as informações para desfrutar do veículo sem nenhum problema futuro!

Pesquisar veículo pelo RENAVAM no PC

Ao adquirir um veículo, tudo o que você não quer são problemas com o carro ou moto nova, não é mesmo? Por isso, aviso agora que você deve pesquisar veículo pelo RENAVAM no PC para evitar qualquer problema.

Você evita possíveis dores de cabeça consultando se o veículo tem dívidas através do número do RENAVAM. Todo o procedimento é muito fácil e gratuito, e aqui você vai saber o passo a passo.

O RENAVAM é a identificação do veículo realizada pelo Detran de cada estado. Trata-se do registro inicial do automóvel, no estado onde o seu primeiro proprietário reside (para pessoas físicas), ou no endereço de registro da empresa (para as pessoas jurídicas).

Se acontecerem casos em que houver troca de localidade ou de propriedade, o número do RENAVAM permanece o mesmo. Essa identificação numérica é única e intransferível.

Pesquisar veículo pelo RENAVAM no PC significa eliminar riscos e evitar possíveis fraudes no momento da venda. Veja:

  • MULTAS: As multas geralmente levam alguns dias para serem lançadas no sistema e enviadas fisicamente para o proprietário antigo. 

Embora a transferência efetiva do veículo só seja permitida com a quitação de todas as dívidas, se você comprar um seminovo (ainda que através de um contrato de compra e venda inicial), todas as dívidas em aberto passam a ser da sua responsabilidade. 

  • TRANSFERÊNCIA: Fique bastante atento, porque mesmo que você compre ou venda um automóvel com dívidas, para fazer a transferência de forma regularizada é preciso que todos os débitos estejam pagos.
  • APREENSÃO: Por fim, para não correr o risco de perder sua CNH e, pior ainda, ter o carro apreendido, tudo deve estar em dia, ou seja, sem nenhum débito.

Para você pesquisar veículo pelo RENAVAM no PC a melhor opção é o portal do Detran do seu estado. Veja o passo a passo:

  • Acesse o site do Detran do seu respectivo estado;
  • Clique em “Veículos”;
  • Clique em “Consulta do RENAVAM”;
  • Informe o número do RENAVAM do automóvel;
  • Clique em “Consultar”.

Ao fazer a consulta do veículo pelo RENAVAM no PC, você terá acesso a todas as informações do automóvel. E, dessa maneira, não irá correr riscos, porque vou te ajudar na análise dessas informações.

Para fazer a análise, você precisa conferir se o veículo possui débitos. Além dos débitos considerados normais, há aqueles chamados de “restrição do veículo”. Você sabe qual a diferença? Calma, não é complicado. Vou te ajudar nessa explicação:

  • Débitos: São aqueles impostos que você deve pagar para regularizar a situação do seu veículo. São esses:
  • Licenciamento;
  • IPVA;
  • Multas;
  • Seguro DPVAT;
  • Restrições: Elas impedem que você faça a regularização, e acontece o chamado bloqueio do veículo. São essas:
  1. Administrativa: Quando a comunicação da venda do veículo para os órgãos responsáveis não é feita;
  2. Tributária: Quando o veículo possui algum tipo de isenção de impostos;
  3. Judicial: também conhecida como bloqueio Renajud, quando há alguma dívida judicial do veículo ou ele está em penhora;
  4. Alienação Fiduciária: O veículo ainda está financiado, é uma propriedade do credor, mas o comprador pode circular com o automóvel;
  5. Leasing: Funciona como uma espécie de aluguel do veículo pelo banco;
  6. Baixa de gravame: Quando o veículo é financiado e o banco realiza essa restrição como garantia para a quitação do valor final;

Pronto! Agora você tem todas as informações que precisa do veículo. E com elas, vai fazer a melhor negociação e ter a certeza de que o veículo que está adquirindo será de uso com felicidade seja para seu trabalho ou para a família.

Caso você queira, também é possível consultar multas pelo número do RENAVAM!

Este artigo tem caráter apenas informativo, ou seja, não possui vínculo algum com a empresa prestadora do serviço que, por ventura, possa ser citada ao decorrer do artigo. Não isentamos a pesquisa das informações no site oficial do órgão provedor dos serviços.