Skip to content

Como Consultar FGTS Pelo PIS

O Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) é um direito dos trabalhadores brasileiros com carteira assinada. No entanto, nem todos sabem ao certo como consultar o FGTS pelo PIS e conferir se os valores estão sendo depositados corretamente a cada mês.




Mesmo que você ainda não possa sacar o dinheiro, é importante verificar a sua conta e ter certeza que está tudo certo. A Caixa disponibiliza canais de atendimento que facilitam o dia a dia. As informações podem ser verificadas por meio do PIS, mediante um cadastro online, pelo aplicativo ou presencialmente.

Antes de buscar sobre o FGTS, vamos esclarecer o que é o PIS e como descobri-lo.

O Programa de Integração Nacional (PIS) garante que o funcionário da rede privada tenha acesso a benefícios determinados por lei, a exemplo do abono salarial e o seguro-desemprego.

As empresas do setor privado depositam, todos os meses, uma quantia no Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), que paga os benefícios aos empregados. Para ter direito ao PIS é necessário ter trabalhado com carteira assinada ao menos uma vez.

No seu primeiro emprego registrado, a empresa faz o cadastro no programa. Esse número será usado em toda a sua vida profissional. O número do PIS está na carteira de trabalho e também aparece no recibo de pagamento de salário, no extrato do FGTS e no Cartão Cidadão.




Vale lembrar que o Fundo PIS/Pasep foi extinto. O saldo existente foi transferido para o FGTS e poderá ser sacado junto com o Fundo de Garantia, dentro das condições estabelecidas em lei.

consultando-fgts-pelo-numero-do-pis

Como Consultar FGTS Pelo PIS

Após conhecer um pouco sobre o Programa de Integração Nacional, vamos entender como consultar o FGTS pelo PIS. A primeira coisa a se fazer é localizar o número e escolher entre a busca online, o aplicativo ou presencialmente.




No meu primeiro acesso no Portal da Caixa, me enrolei um pouco. Acontece que, para efetuar o cadastro e login, o sistema pede o CPF, NIS ou e-mail. Nada sobre o PIS. Nesse meio tempo ainda descobri que existe o NIT. Enfim, são muitas siglas parecidas que me confundiram.

A solução que encontrei foi fazer uma busca sobre a diferença entre cada termo. O NIS é emitido para os beneficiários de programas sociais que ainda não têm o PIS. O primeiro será o mesmo que o segundo quando houver registro assinado na carteira profissional.

Assim, reuni meus documentos pessoais e me dirigi até uma das agências da Caixa. Ao chegar lá, fui informada que eu não precisava nem mesmo sair de casa para consultar o meu FGTS. 

A atendente fez todo o procedimento e ainda me ajudou com o login no site oficial da Caixa. Por fim, ela fez a indicação do aplicativo ideal, dentro das minhas necessidades. Mas, se surgir qualquer outra dúvida, eu não vou titubear, voltarei a procurar atendimento na unidade mais próxima.

Consultar FGTS Pelo PIS Online

Com essas dicas em mente, estamos prontos para consultar o FGTS pelo PIS, online. Como foi antecipado acima, o Portal da Caixa passou por reformulações e não exige, diretamente, o número do Programa de Integração Nacional. Porém, você pode digitar o número do PIS no lugar do NIS, confira no passo a passo:

site-portal-da-caixa-para-consulta-de-fgts

  • Coloque o número do PIS e a senha para fazer login. e for o seu primeiro acesso, clique em “cadastrar/esqueci senha”;
  • Informe seus dados pessoais corretamente;
  • Cadastre uma senha de acesso com até 8 dígitos (formada por letras e números);
  • Selecione “confirmar” e aguarde o redirecionamento para a tela de login;
  • Digite o número do PIS e a senha recém cadastrada. Pressione “aceitar”.

A tela irá exibir um menu, na parte superior. Clique em “FGTS” e escolha qual informação deseja acessar. Entre as opções, é possível verificar o saldo, extrato, extrato completo e saque, se este estiver disponível.

Se houver mais de uma conta de uma mesma pessoa, os dados serão exibidos em sequência, separados por um cabeçalho.

Consultar FGTS Pelo Número Do PIS Pelo Aplicativo

Aqueles que preferem a praticidade e facilidade dos dispositivos móveis podem ficar tranquilos, dá para consultar o FGTS pelo número do PIS pelo aplicativo. Nessa situação, é necessário ter o app da Caixa ou do FGTS instalados no seu celular ou tablet.

Os clientes da Caixa podem realizar a consulta do Fundo de Garantia pelo app do banco. Basta fazer login, ir até o menu e selecionar a opção “FGTS”. Caso contrário, você pode baixar o aplicativo do Fundo de Garantia. Acompanhe as instruções a seguir:

  • Na loja de aplicativos do seu dispositivo (Play Store ou App Store), procure por “FGTS” e toque em “instalar”;
aplicativo-android-para-consulta-de-fgts
Consultar FGTS Pelo Número Do PIS Pelo Aplicativo (Fonte: Play Store)
  • Aguarde a conclusão da instalação e, em seguida abra o app;
  • Pressione “entrar no aplicativo” e forneça seus dados pessoais corretamente;
  • Escolha uma senha de 6 dígitos e selecione “cadastre-se”;
  • Vá até o e-mail cadastrado e abra o link enviado para validar a conta;
  • Volte no app e informe o CPF e a senha cadastrada;
  • No menu será possível visualizar os detalhes das contas, o saldo, extrato e opções de saque.

Com a última atualização, não é preciso informar o número do PIS, no login ou cadastramento. A Caixa fez adaptações entendendo que o CPF é mais usual e fácil de ser lembrado pelos usuários.

Consulta Do FGTS Pelo PIS Presencialmente

Para quem não é adepto às tecnologias ou ainda tem dúvidas sobre como utilizá-las com segurança, eu tenho uma boa notícia. A consulta presencial do FGTS pelo PIS continua entre os serviços oferecidos nas agências espalhadas por todo o país.

Antes de sair de casa, separe seus documentos pessoais como RG, CPF e carteira de trabalho (lá está o número do PIS). Também é importante verificar o horário de funcionamento de cada agência, que pode sofrer alterações devido às medidas de prevenção sanitária.

No site da Caixa você confere o ponto de atendimento mais próximo de você. Lá estão listados todos os canais e serviços do banco, além do endereço de cada unidade. 

Este artigo tem caráter apenas informativo, ou seja, não possui vínculo algum com a empresa prestadora do serviço que, por ventura, possa ser citada ao decorrer do artigo. Não isentamos a pesquisa das informações no site oficial do órgão provedor dos serviços.