Skip to content

Como Consultar A Data De Recebimento Do Seguro Desemprego

É comum ter dúvidas sobre como consultar a data de recebimento do Seguro Desemprego.




Saber o calendário do benefício é muito importante, visto que ele não é o mesmo para todas as pessoas.

Portanto, você deverá estar acompanhando suas datas para não deixar de recebê-lo!

Mas, não se preocupe. Existe como consultar a data de recebimento do Seguro Desemprego de forma bem acessível no dia a dia. Tem até como consultar as parcelas do Seguro Desemprego bem fácil!

Veja as dicas que separei aqui sobre como fazer isso.

Você poderá usar alguns aplicativos para consultar data de pagamento do seguro desemprego e ter essas informações em mãos.




Ainda, falei um pouco sobre como funciona o pagamento seguro desemprego, assim você terá uma noção do quanto e por onde receberá esse benefício.

como-descobrir-a-data-de-recebimento-seguro-desemprego

Como consultar a data de recebimento do seguro desemprego

O seguro desemprego é uma ação que faz parte da seguridade social. Isso significa que ele tem como objetivo ajudar os trabalhadores em um período de dificuldade financeira, causado pela demissão involuntária (quando você foi demitido, mas não quando saiu do emprego porque quis).




O critério para receber essa assistência é que esse emprego perdido deve ser formal (registrado), e que você tenha trabalhado e recebido seu salário por pelo menos 12 meses, nos últimos 18 meses.

Para além desses critérios, algumas outras situações também permitem o recebimento do seguro desemprego. Entre elas:

  • Trabalhadores que foram resgatados de subempregos (análogos à escravidão);
  • Trabalhadores que pediram demissão pois o empregador não seguiu o contrato de trabalho;
  • Trabalhadores afastados do trabalho para cursarem qualificação profissional (oferecida pelo empregador);
  • Pescadores artesanais no período do defeso;
  • Empregados domésticos que exerceram apenas essa profissão por ao menos 15 meses;
  • Microempreendedores individuais com a empresa inativa e renda menor que 1 salário mínimo.

O prazo para a solicitação do seguro desemprego para o trabalhador formal começa a partir do 7º dia após a demissão e termina no 120º dia (cerca de 4 meses).

Uma forma de fazer o requerimento do seguro desemprego, através do portal do Governo Federal. Para começar seu pedido, você deverá ir até a opção “iniciar”. No portal, você também poderá acessar mais informações sobre o benefício.

site-governo-para-seguro-desemprego
(Fonte: Site Do Governo Federal)

Para quem teve algum problema com esse requerimento, é possível abrir um recurso. O prazo para a solicitação de revisão é de até 2 anos após receber a dispensa do trabalho.

É importante saber que, por mais que sua parcela não tenha ainda sido liberada, isso não significa que você precisará solicitar um recurso. Portanto, minha dica é que nesse caso, a primeira coisa a se fazer é consultar o seu seguro desemprego através de um dos aplicativos ou portais.

Porém, muitas vezes será necessário que você realize a solicitação de um recurso para a análise do seu seguro desemprego. Mas, a notícia boa é que isso poderá ser feito pela internet. Se quiser, você poderá cadastrar seu pedido de recurso no Portal do Governo Federal.

Se você já tiver entrado com o recurso, verifique a situação de análise dele no portal do Governo Federal. Se seu pedido já foi aprovado, será possível visualizar as datas de pagamentos do benefício para suas parcelas.

Para apresentar seu recurso também é possível anexar os documentos de justificativa, nos formatos JPG, PNG, PDF de no máximo 10mb no total.

Caso tenha sido aprovado, você poderá usar o portal Emprega Brasil para consultar data de recebimento do seguro desemprego.

Além disso, ele também permite que você saiba sobre o processo de solicitação do seguro desemprego, possíveis impedimentos, e quais parcelas que serão/foram pagas a você.

Aplicativos para consultar data de pagamento do seguro desemprego

Para quem gosta de resolver as coisas já pelo celular, existem alguns aplicativos para consultar data de pagamento do seguro desemprego que você pode testar.

Entre eles está o aplicativo Sine Fácil, que permite que você acompanhe seu requerimento do seguro desemprego e após aprovado, ainda notifica, através de mensagens, as datas dos pagamentos e os valores das parcelas a serem recebidas.

aplicativo-para-consulta-do-seguro-desemprego
Aplicativo SINE Fácil (Fonte: Play Store)

Além dele, também é possível também usar o aplicativo Carteira de Trabalho Digital para consultar data de pagamento do seguro desemprego. Esse app está disponível na Play Store e na Apple Store.

aplicativo-carteira-de-trabalho-digital
Aplicativo Carteira de Trabalho Digital (Fonte: Play Store)

O app Carteira de Trabalho Digital também servirá para fazer sua solicitação do seguro desemprego e acessar mais informações, além de oferecer outros serviços como:

  • Informações sobre Abono Salarial e calculadora do valor;
  • NIS e benefícios;
  • Encontrar agência da CAIXA mais próxima;
  • Previsão e notificação para próximos pagamentos;

O aplicativo CAIXA Trabalhador é uma outra opção para acompanhar sua solicitação de seguro desemprego e liberação de parcela. No app é possível ver as datas de pagamentos, os valores das parcelas e as solicitações de recurso.

aplicativo-caixa-trabalhador
Aplicativo Caixa Trabalhador (Fonte: Play Store)

Muitas pessoas não possuem acesso aos aplicativos e à sua conta do governo, e outras, mesmo com o acesso, não conseguirão resolver apenas pela internet (a depender da questão envolvida). 

Caso algum desses problemas tenha sido identificado, dirija-se à um posto de atendimento Alguns lugares que podem ser procurados são:

  • Banco do Brasil;
  • Caixa Econômica Federal;
  • Unidades de Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego;
  • Unidades conveniadas SINE;

Para quem preferir, é possível ligar para o SAC (serviço de atendimento ao cidadão) pelo número 0800 726 0207.

Caso seu requerimento possua dados com erros ou divergências, é necessário também que você compareça a uma dessas unidades.

Se conseguiu fazer a solicitação do benefício pela internet e não teve nenhum erro no processo, as parcelas liberadas poderão ser sacadas ou transferidas e você não precisará de um atendimento presencial, apenas continue acompanhando as datas nos aplicativos ou portais.

Como funciona o pagamento do seguro desemprego?

Se você quer saber como funciona o pagamento do seguro desemprego, vamos começar falando de como são estipuladas as parcelas e valores.

O valor a ser recebido no seguro desemprego é referente a uma média dos últimos três salários que é multiplicada por 0,8. A média é calculada somando os 3 salários e dividindo o total por 3. Em alguns casos, a média será multiplicada por 0,5%.

O número de parcelas poderá variar de 3 a 5, sendo determinadas pelo Ministério. Porém, no caso de pessoas que trabalharam 24 meses (2 anos) ou mais, normalmente chegarão às 5 parcelas.

A primeira parcela será liberada 30 dias depois da sua solicitação. Para as outras, as liberações acontecerão também 30 dias após o último saque.

Se sua parcela já foi liberada, existem três opções de depósito que podem ter sido feitas, com uma ordem de prioridade.

Para quem, no momento do requerimento, informou uma conta bancária específica, o valor da parcela terá sido depositado na mesma, através de um TED realizado pela Caixa Econômica Federal (agência pagadora do benefício).

Para quem não a informou, ou houve algum erro no processo, a segunda forma de pagamento que será recorrida é a de busca por uma conta poupança do beneficiário na CAIXA. Caso você disponha de uma, o pagamento será feito por lá.

Por fim, se esse pagamento não for possível, será aberta uma conta poupança social digital na CAIXA, onde será depositado o benefício. Essa conta não terá nenhum custo para você e é feita de forma automática, sem que você precise fornecer dados ou autorizações.

Você poderá movimentar a poupança social através do aplicativo Caixa Tem, disponível para Android e iOS. Através dele você poderá sacar ou transferir o dinheiro, tanto para contas no seu nome quanto para outras.

aplicativo-caixa-tem-android
Aplicativo Caixa Tem (Fonte: Play Store)

O dinheiro também pode ser resgatado através do cartão cidadão, ou retirado em unidades de atendimento da CAIXA, ou em casas lotéricas.

Este artigo tem caráter apenas informativo, ou seja, não possuo vínculo algum com a empresa prestadora do serviço que, porventura, possa ser citada ao decorrer do artigo. Não isentamos a pesquisa das informações no site oficial do órgão provedor dos serviços.